.

.

terça-feira, 9 de maio de 2017

Rafael Motta visita unidades de saúde beneficiadas com emendas parlamentares de sua autoria


O deputado federal Rafael Motta (PSB) visitou hoje(8) unidades de saúde e ruas dos municípios de Ipanguaçu, Afonso Bezerra e Lajes, onde serão investidas emendas parlamentares destinadas por ele para a saúde e pavimentação. As visitas fazem parte de uma agenda que começou a ser cumprida com o objetivo de ver, in loco, a realidade dos municípios do Rio Grande do Norte e, também, prestar contas, por meio das redes sociais dele, o que está sendo feito para melhorar a vida dos potiguares. 



"A intenção é conhecer ainda mais a realidade de cada município e ver onde serão investidas as emendas destinadas pelo nosso mandato. Pretendemos visitar todas as regiões do Estado e trocar informações com cada gestor, para sabermos onde é possível melhorar a vida dos potiguares", afirmou Rafael Motta. "Lançamos também a hastag 'AquiTemTrabalho', para que aqueles que nos seguem nas redes sociais possam acompanhar as nossas visitas ao interior e saber mais sobre nosso trabalho", acrescentou. 



A agenda de hoje começou acompanhado pelo prefeito Valderedo, de Ipanguaçu, onde visitou o Centro de Saúde Tibúrcio Freire da Silveira e a rua Manoel Rocha, que serão beneficiados com as emendas parlamentares de Rafael Motta. Para a saúde e a pavimentação do município foram destinados R$ 1,14 milhão. Em Afonso Bezerra, ao lado do prefeito Chico Bertuleza e a liderança Cícero Umbelino, Rafael Motta visitou as unidades de saúde Lavosier Maia (que está fechada e será reaberta com recurso destinados por Rafael Motta) e Vitor Modesto, além do Hospital-Maternidade do município. Para Afonso Bezerra, foram destinados R$ 250 mil, que serão enviados também para as unidades de saúde São Sebastião e Luis Ferreira de Lacerda. 


A agenda no interior do Estado foi fechada no município de Lajes, onde o deputado visitou ao lado do ex-vereador Clóvis e do prefeito Marcão, o Hospital Maternidade Aluízio Alves, para onde destinou R$ 150 mil.







Nenhum comentário:

Postar um comentário