segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

MEC divulga nesta segunda-feira resultado do SisuO Ministério da Educação (MEC) divulga nesta segunda-feira (26) o resultado do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) na página do programa. Os candidatos selecionados devem procurar a instituição de ensino para fazer a matrícula nos dias 30 de janeiro, 2 e 3 de fevereiro.

O Ministério da Educação (MEC) divulga nesta segunda-feira (26) o resultado do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) na página do programa. Os candidatos selecionados devem procurar a instituição de ensino para fazer a matrícula nos dias 30 de janeiro, 2 e 3 de fevereiro.

Neste ano, haverá apenas uma chamada. Os candidatos que não foram selecionados poderão participar da lista de espera, também a partir de hoje, na página do Sisu. O prazo para que isso seja feito é até o dia 6 de fevereiro. O estudante somente poderá manifestar interesse na lista de espera para o curso correspondente à sua primeira opção.

Os candidatos em lista de espera deverão procurar as instituições de ensino a partir do dia 11 de fevereiro para acompanhar o processo de seleção.

O Sisu oferece vagas em instituições públicas de ensino superior. Para concorrer, é preciso ter feito o Enem em 2014 e não ter tirado 0 na redação. Nesta primeira edição de 2015, o Sisu oferece 205.514 vagas em 5.631 cursos em 128 instituições.

Até as 21h de quinta-feira (22) - as inscrições terminaram às 23h59 -, 2.772.175 haviam se inscrito no processo seletivo. Em 2014, mais de 6,1 milhões fizeram o Enem.


Com informações da Agência Brasil






“Henrique será ouvido, mas decisão sobre 2016 é do Diretório Municipal do PMDB”

Líder do PMDB/Natal, Hermano diz que desconhece qualquer conversa de adesão ao governo Carlos Eduardo


Conversar com filiados, atender demandas, prestar contas sobre utilização de recursos, trabalhar para manter a sigla forte em Natal e, claro, tomar decisões sobre o futuro partidário. Essas são as principais atribuições do presidente de um Diretório Municipal. E assim também é no PMDB, uma das siglas de maior destaque e tradição da Capital do Estado. Diante disso, o deputado estadual Hermano Morais, garante que será do Diretório Municipal do PMDB, presidido por ele, a decisão sobre a eleição de 2016 em Natal e se os peemedebistas terão candidatura própria mais uma vez ou não.

O poder de decisão do Diretório Municipal do PMDB sobre isso pareceria obvio. O problema é que nas últimas semanas ganharam força, novamente, as conversas de bastidores sobre uma eventual adesão do partido ao governo municipal de Carlos Eduardo Alves, do PDT, que é primo de Henrique Eduardo Alves, presidente estadual do PMDB, e do senador Garibaldi Alves Filho, também peemedebista. E a adesão incluiria o apoio da sigla ao desejo de reeleição do PDT. Seria a retribuição pelo fato do prefeito ter aceitado apoiar Henrique na disputa pelo Governo do Estado no ano passado.

As conversas, nesse sentido, estariam bem adiantadas. Tanto que Henrique, Garibaldi e o deputado federal Walter Alves (também do PMDB), já teriam até visitado o prefeito Carlos Eduardo Alves na casa de praia dele, no litoral Sul da Grande Natal, para tratar da adesão. Quais seriam os espaços ocupados pelos peemedebistas no governo municipal e quando a decisão seria oficializada.

Essa aproximação, no entanto, não havia contemplado o presidente do Diretório Municipal do PMDB. “Estou sabendo pelas notícias publicadas em jornais e blogs sobre o assunto, mas não houve qualquer conversa comigo neste sentido. Se existe algo no sentido de adesão, não passou por mim”, afirmou Hermano Morais, revelando que, na última semana, recebeu uma ligação de Henrique até dizendo que queria conversar com ele, mas “não antecipou qual seria o assunto e ainda não tivemos esse encontro”.

Porém, Hermano Morais prefere não acreditar que o presidente do Diretório Estadual tenha tomado tal atitude sem ouvir o líder do Diretório Municipal, até porque Henrique é ciente que uma adesão interferiria diretamente no projeto partidário de 2016 e o PMDB ainda não decidiu se trabalhar para ter candidatura própria ou não e o presidente do Municipal, Hermano, é um claro defensor a candidatura própria.

Isso porque, para Hermano Morais, a candidatura própria é a principal forma do partido se popularizar, mostrar força e discutir um projeto para Natal. Em 2012, por exemplo, apesar de pouco acreditado, Hermano conseguiu, como candidato próprio do PMDB, chegar ao segundo turno na disputa contra Carlos Eduardo, que já havia governado a capital potiguar por dois mandatos e, por isso, era bem mais popular que ele.

E, neste ano ao defender candidatura própria, Hermano já afirmou revelou que poderá, se o partido assim escolher, ser novamente candidato, tendo a seu favor a bagagem de já ter participado de uma eleição majoritária para o Executivo Municipal.

“Qualquer decisão para formar uma chapa ou incluir a uma coligação passa pelo Diretório Municipal. Henrique, como presidente do Diretório Estadual, e Garibaldi, como maior nome do partido no Estado, serão ouvidos. Claro. São grandes líderes. Mas a decisão será do Diretório Municipal”, ressaltou Hermano Morais, afirmando que esse entendimento terá que ouvir os vereadores da sigla em Natal, Felipe Alves, Bertone Marinho e Ubaldo Fernandes – três que, rotineiramente, votam junto com a bancada governista na Câmara Municipal.

“Vamos ouvir também a população. Dialogar com lideranças e buscar um entendimento no momento oportuno. Não existe nenhuma vaidade pessoal. A decisão será tomada no momento certo”, afirmou Hermano, mostrando não acredita que Henrique poderá tomar qualquer decisão de adesão sem ouvir os demais correligionários e filiados do PMDB em Natal – inclusive, o presidente de Diretório Municipal.


Fonte: O Jornal de Hoje.






Noticias da obra de Deus

Igreja de Cristo realiza culto festivo para comemorar aniversario do templo

A igreja de Cristo na cidade em Lajes, realizou na noite deste sábado (24), um grande culto festivo para comemorar um ano de aniversario do seu novo templo em nossa cidade. O culto contou com a participação de caravanas de irmãos de varias regiões do nosso estado. 

Na ministração da palavra de Deus, tivemos o pastor Antonio Dantas (pastor presidente da denominação), e no louvor tivemos os cantores Deny Silva e Regis Guimarães. 

Durante a programação festiva foi realizado batismo nas águas e consagração de obreiros e obreiras para obra do Senhor Jesus.

Quem esteve presente no culto festivo da Igreja de Cristo foram os vereadores Felipe Menezes, que e membro da igreja, e José Mendes, vice presidente da Câmara Municipal de Lajes, que na oportunidade, representou o presidente Manoel Querino da Costa.

Ainda registramos as presenças dos seguintes pastores: José Wandercio (Igreja de Cristo Lajes), Gilvan (Igreja de Cristo rm Angicos), presbítero Moabe Câmara, representando o pastor Francisco de Assis Gomes (pastor presidente da ADEMIRN).

A Igreja de Cristo em Lajes fica localizada na avenida José Militão Martins, próximo a escola Municipal Dr. Eloy de Souza.






sábado, 24 de janeiro de 2015

Quem de verdade é a oposição ou situação na Câmara de Pedro Avelino?

Em toda conjuntura política de uma câmara sabemos que é formada por dois grupos, um de oposição e outro de situação. Na câmara de Pedro Avelino não poderia ser diferente, com alguns edis com situação definida, temos também incógnitas sem saber ainda que rumo irão tomar.

Depois de vários acontecimentos na política local, teve vereador que preferiu sair da base de sustentação do prefeito para desbravar o lado da oposição, mas também tem os indecisos, que apesar de pregar o discurso da oposição ainda faz parte do governo.

Um dito popular traduz bem essa situação: Tem edil ¨assobiando e chupando cana ao mesmo tempo¨. Esperamos que essa situação conhecida popularmente no meio político como ¨em cima do muro¨ termine no retorno do recesso onde os debates irão se retomados.


Fonte: Blog Águas de Maré






Arena das Dunas completa um ano com quase um milhão de visitantes

Inserida em uma área de 114.063 m², a Arena das Dunas alterou a rotina da capital potiguar durante sua construção e mudou a paisagem da cidade após sua conclusão. São 77.783,50 m² de área construída. Depois de dois anos e cinco meses de obras, o estádio foi finalmente inaugurado no dia 22 de janeiro de 2014, com a presença da presidente Dilma Rousseff e protestos contra a realização da Copa do Mundo do lado de fora dos portões. Elogiado pela sua arquitetura e por suas 20 "pétalas" que compõem a cobertura, simulando a paisagem das dunas potiguares, a Arena das Dunas é vista como uma das mais bonitas do país. O gramado foi palco para a decisão do título do Campeonato Potiguar de 2014, conquistado pelo América-RN. Além disso, recebeu jogos de grandes clubes brasileiros, como Cruzeiro e Flamengo, pela Copa do Brasil. Mas foi a Copa do Mundo 2014 que realmente marcou o primeiro ano de funcionamento da Arena das Dunas.

Foram quatro partidas, oito seleções e 159 mil torcedores de várias partes do planeta ocupando as arquibancadas, uma média de quase 40 mil espectadores por jogo. Contando com o Mundial da Fifa, além de outras competições, eventos e festas, a Arena já recebeu a visita de quase um milhão de pessoas.


Fonte: G1.com.






Prefeitura de Lajes lança edital para processo seletivo

A Prefeitura de Lajes lançou, através do Diário Oficial dos Municípios o edital para a realização do processo seletivo onde contratará, por tempo determinado profissionais para serviços em diversos setores da administração. O Processo Seletivo para contratação temporária oferece vagas para trabalhar na SAÚDE, EDUCAÇÃO E ASSISTÊNCIA SOCIAL.

O edital segue as determinações no art. 37, inciso IX da Constituição Federal de 1988, na Lei Municipal de nº 646/2014, de 16 de dezembro de 2014, e considerando a necessidade temporária de excepcional interesse público de não interromper a prestação de serviços essenciais a população do município.


A inscrição

A inscrição será feita exclusivamente na sede da Prefeitura Municipal de Lajes, situada a Rua Ramiro Pereira, 17 – Centro – CEP 59.535-000 – Centro – Lajes RN, durante o período de 21 a 30/01/2015, no horário de 08 as 13 horas, através de formulário disponível no Edital.

Todos os detalhes do edital você ver AQUI


Fonte: Robson Cabugi.






sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

Oposição questiona Kirchner

A reviravolta nas declarações da presidente da Argentina, Cristina Fernández de Kirchner, que agora afirma estar convencida de que o promotor público Alberto Nisman não se suicidou, foi duramente criticada pela oposição e é o principal destaque na imprensa do país. A deputada Elisa Carrió, uma tradicional opositora de Kirchner, afirmou que a “falta de seriedade” da presidente “só traz medo” à sociedade. “Mal se soube da morte do promotor Nisman, ela falou em suicídio; derrubada a tese de suicídio, ela fala de assassinato; a única coisa que mantém sempre é que a culpa é da vítima”, disse Carrió em comunicado.

A deputada Laura Alonso, do partido oposicionista PRO, que governa a cidade de Buenos Aires, advertiu que a Argentina “está sem governo e tem um Estado muito débil”. Além disso, ela afirmou que a sociedade espera que a “presidente não siga se escondendo”, já que, desde a morte de Nisman, a governante não falou em público e se manifestou duas vezes, sempre usando a internet.

O senador Ernesto Sanz, pré-candidato presidencial da oposicionista União Cívica Radical (UCR), afirmou que a declaração de Kirchner “é gravíssima” e considerou “incompreensível” que a chefe de Estado se comunique pelas redes. “Se a presidente crê que mataram Nisman, tem que descabeçar a cúpula da segurança”, afirmou.

Na segunda-feira, dia seguinte à morte de Nisman, Kirchner se referiu ao caso como suicídio, por meio de uma carta publicada na internet. “A morte de uma pessoa sempre causa dor e perda entre seus entes queridos, e consternação nos demais. O suicídio provoca, além disso, em todos os casos, primeiro: estupor; e depois: interrogações.” Mais adiante, colocou a palavra suicídio acompanhada de sinais de interrogação, indicando dúvida.

Ontem, a presidente voltou a se manifestar na internet sobre o caso, desta vez afirmando estar convencida de que a morte de Nisman não foi suicídio. “Usaram-no vivo e depois o necessitavam morto. É triste e terrível”, escreveu. “Não tenho provas, mas tampouco tenho dúvidas” sobre o suicídio, afirmou Kirchner.

Segundo o jornal Clarín, a nova declaração de Kirchner pegou de surpresa e deixou desconcertados alguns membros do governo. Um ministro próximo à presidente expressou ao jornal “um total desconcerto”, mas não discordou da nova posição. Segundo ele, a prioridade é fortalecer a imagem presidencial e unificar o discurso.

Já o jornal La Nación afirma que Kirchner está sendo criticada não só por se contradizer em apenas três dias sobre um assunto tão sério, mas também por voltar a se manifestar pelas redes sociais.

Um funcionário da chefia do gabinete disse ao jornal que Kirchner é vítima de um complô, de uma “ofensiva brutal” em que pretendem atribuir a ela a responsabilidade pela morte de Nisman. Diante disso, ela se viu obrigada a reagir de maneira forte, afirmou.

Na carta desta quinta-feira, Kirchner sustenta a tese de que a morte de Nisman é parte de um plano para atacar seu governo. “A denúncia do promotor Nisman nunca foi em si mesma a verdadeira operação contra o governo, ela [a denúncia] cai logo. Nisman não o sabia e provavelmente jamais o soube. A verdadeira operação contra o governo era a morte do promotor depois de acusar a presidente.”


Fonte: Tribuna do Norte.






Ex-ministro José Dirceu é investigado na Operação Lava Jato

Justiça quebrou os sigilos fiscal e bancário após análise de documentos.
Empresa do ex-ministro recebeu pagamentos de construtoras investigadas.


A Justiça Federal determinou a quebra do sigilo bancário e fiscal do ex-ministro da Casa Civil, José Dirceu, do irmão dele Luiz Eduardo de Oliveira e Silva e da empresa JD Assessoria e Consultoria Ltda., que pertence aos dois. Para o Ministério Público Federal, há indícios de que a empresa tenha recebido recursos de empreiteiras ligadas ao esquema de corrupção na Petrobras, desvendado pela Operação Lava Jato.

De acordo com a decisão, a JD Assessoria e Consultoria recebeu, entre 2009 e 2013, R$ 3.761.000,00, das construtoras Galvão Engenharia, OAS e UTC Engenharia. As três empresas tiveram executivos presos no início de dezembro, quando foi deflagrada a sétima fase da Lava Jato.
Com a quebra de sigilo, os procuradores querem saber se os pagamentos feitos à JD Assessoria e Consultoria foram para o pagamento de propinas, tal como ocorria em empresas de fachada comandadas pelo doleiro Alberto Youssef, também preso na Operação Lava Jato.

A quebra do sigilo fiscal foi autorizada entre o período de 1º de janeiro de 2005 a 18 de dezembro de 2014. Já o sigilo bancário foi quebrado entre 1º de janeiro de 2009 e 18 de dezembro de 2014.
O MPF chegou à empresa de Dirceu ao analisar documentos contábeis das empreiteiras. Em uma das lisas, da Galvão Engenharia, aparece a rubrica genérica de "consultoria", para justificar pagamentos mensais de R$ 25 mil à JD Assessoria e Consultoria. O total desses pagamentos soma R$ 725 mil. Da mesma forma, nos livros da OAS, os procuradores encontraram pagamentos mensais de R$ 30 mil, que totalizaram outros R$ 720 mil.

No caso da UTC, foram encontrados apenas dois pagamentos. Um no valor de R$ 1.337.000,00, em 2012, e outro de R$ 939 mil, feito em 2013. Em ambos, a justificativa anotada nos documentos era de "consultoria, assessoria e auditoria".

Em nota, José Dirceu confirma que prestou serviços de consultoria às empresas citadas no documento da Justiça Federal. O ex-ministro ainda se colocou à disposição para prestar esclarecimentos ao Judiciário.


Fonte: Globo.com.






quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

É neste domingo







Destaque do Blog

Queremos nesta edição destacar duas figuras ilustres de nossa Lajes. Estamos falando do poeta Antônio Alves da Cruz e do senhor Cicero Fernandes, que são profundos conhecedores da historia do nosso município.

Essas duas importantes pessoas merece destaque em nosso blog Foco Sertanejo, pois são duas enciclopédias vivas da nossa historia.






Popó já em Fortaleza

A nossa estrela do futsal feminino Pholyana Caroline (Popó), já está em Fortaleza. A atleta que renovou seu contrato com o Nacional Gás/UNIFOR para o ano de 2015, se apresentou na tarde dessa quarta feira (21) a equipe cearense.

A jogadora também renovou para este ano de 2015 a sua parceria com o Itaretama Sport Club de Futsal Feminino Lajense.

Em conversa com a nossa equipe de reportagem na noite da última terça feira (20), antes do seu embarque para capital Alencarina, Popó externou sua felicidade em ter participado do Campeonato Municipal de Futsal Feminino na cidade de Lajes pela equipe do Itaretama, e garantiu a sua grande a torcida que estará de volta no Campeonato de Blocos, que será iniciado na primeira semana de fevereiro.