sábado, 15 de janeiro de 2011

FAERN alerta para contratos de produtores com empresas de energia eólica


Foi promovida na manhã desta sexta-feira (14) na sede da Fiern uma reunião proposta pelo Presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Lajes, César Militão, que visa alertar os donos de fazendas e propriedades rurais na questão do arrendamento de terras para construção de empresas eólicas.

Segundo os produtores que participaram da reunião, que também contou com a participação do presidente da Federação da Agricultura do Rio Grande do Norte (Faern), José Álvares Vieira, e do vice-presidente da Fiern, Amaro Sales, a questão merece um cuidado maior, pois estão chegando na cidade e na zona rural, pessoas que se apresentam como indicados de empresas do ramo eólico e oferecem contratos aos produtores que podem chegar até 35 anos (para arrendar as localidades desses produtores rurais) e pedem 10% de comissão para assinatura desses contratos. Uma forma incorreta de convencimento, e que na visão dos membros da reunião, está causando pânico em alguns proprietários, que não sabendo o que fazer, podem vir a assinar algo sem saber o seu verdadeiro conteúdo.

De acordo com José Vieira, esse caso é preocupante e merece uma atenção maior por parte dos produtores. Ele também ressaltou que a Federação da Agricultura está ciente e já disponibilizou sua assessoria jurídica para maiores informações. “Acredito que essas pessoas, se passando por representantes de empresas de energia eólica, querem lucrar em cima da ingenuidade dos produtores. Então eu peço que todos eles entrem em contato com a Federação da Agricultura e se informem sobre essa questão. Estamos com uma assessoria jurídica que pode oferecer informações corretas sobre o assunto e que está à disposição de todos para maiores esclarecimentos”, explicou Vieira.

Fonte: Email Robson Cabugi