segunda-feira, 26 de agosto de 2013

Comentando por F.Cruz (Canelinha)

Sobre a saída de quadra do Itaretama no jogo contra o Arsenal, pela Taça RFC


Não queria falar sobre o assunto, mas lendo a coluna "Drible Curto", escrita pelo colunista Canindé Pereira, no blog Junior Martins, observei a insatisfação do organizador do evento, Sr. Ronaza, dizendo que a saída do Itaretama de quadra se constituía em falta de comprimento.

Quero dizer que em momento algum a nossa equipe deixou de cumprir seus compromissos em competições. Estávamos lá, chegamos muito antes do horário estabelecido para o início da partida. O jogo estava marcado para às 10:30 horas da manhã, e quando a partida foi iniciada já estava no prazo de tolerância, isso porque o organizador do evento, Sr. Nazareno Andrade, não estava presente no ginásio, e não tinha árbitros para apitar a partida. 

Depois fomos informados pela mesa que, o Sr. Edcley Gustavo havia indicado dois árbitros,o que não podia acontecer, porque Edcley é dirigente do Arsenal, adversário do Itaretama, e não podia indicar a arbitragem, que era de total responsabilidade da coordenação  do evento. Mesmo assim, o Itaretama foi para o jogo, sendo prejudicado durante todo o primeiro tempo, por uma arbitragem despreparada e sem condições de apitar a partida.

Como presidente do Itaretama, solicitamos a mudança de árbitros, e não fomos atendidos, daí então, foi que chegou o Sr. Nazareno, que ao envés de tentar solucionar o problema, foi logo tratando de maneira desrespeitosa a nossa pessoa, perguntando se estávamos com medo de levarmos uma surra do Arsenal, o que se constitui uma falta de ética, para o organizador da competição.

Quero dizer que o Itaretama já sofreu várias goleadas durante a sua trajetória, mas nunca desistimos de lutarmos. Tiramos o time de quadra por entendermos que fomos desrespeitados pela organização do evento.

Um torneio totalmente desorganizado, com péssimas arbitragens, e o dirigente usando dois pesos e duas medidas. Querem ver um exemplo? No jogo masculino entre Pedra Preta e Afonso Bezerra, a equipe de Afonso Bezerra solicitou a mudança da partida do sábado (17), para a sexta (16), por motivo da vaquejada daquele município, e o coordenador do evento acatou sem ouvir a equipe de Pedra Preta, que segundo o desportista Michel, disse a reportagem deste blog, que não tinha condições de jogar na sexta feira, mesmo assim, o Sr. Ronaza, autoritariamente manteve a partida.

Quanto ao Ferroviário, recordo-me que na competição do ano passado, a equipe tricolor não compareceu ao jogo contra o Arsenal, deixando de ir a quadra, e mesmo assim não foi punida, sendo convidada para a competição deste ano, que também não compareceu.

Para concluir, quero dizer que este blogueiro e presidente do Itaretama já realizou 05 Taças F.Cruz, e desafio a qualquer dirigente que tenhamos tomado posição a favor de equipe A, ou equipe B. Sempre procuramos nos pautar na ética e na moralidade. As nossas competições sempre teve a melhor premiação do Futsal Feminino lajense, e desafiamos ainda a qualquer presidente que disputou a Taça F.Cruz, que tenha sido cobrado um centavo de alguma equipe como pagamento de inscrição. Por isso, como blogueiro e cronista esportivo, nos pautamos na verdade dos fatos.