quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Getúlio Rego: "DEM discutirá majoritária apenas em 2014"

O líder do governo Rosalba Ciarlini (DEM) na Assembleia Legislativa, deputado Getúlio Rego (DEM), disse que os deputados estaduais do DEM não fizeram exigências quanto às coligações proporcionais, para as eleições de deputado estadual e federal de 2014.

Ao Jornal de Hoje, Getúlio afirmou que tanto ele, como José Adécio e Leonardo Nogueira, entregaram a coordenação deste processo a José Agripino, presidente nacional do DEM.

"Nenhuma definição, a gente conversou, entregou a ele a coordenação do processo para ele estabelecer os contatos que achasse mais conveniente. Nenhuma exigência. Se vai para a direita, esquerda, centro. Tudo absolutamente entregue a ele para a coordenação do processo", explicou o parlamentar acrescentando que: "No entanto, sobre a majoritária, é assunto para 2014".

Ainda segundo o deputado Getúlio Rego, não se falou em coligação preferencial, diferentemente do que foi publicado pela imprensa – que a preferência do DEM seria o PMDB e o PR. "Nós não falamos em partido a, b, c ou d. Nós demos ao senador José Agripino a coordenação desse processo, e ele concordou. Fazer os contatos que achasse o mais conveniente".

De acordo com o líder governista, o DEM buscará, através da coordenação do presidente, os caminhos a seguir. "O senador José Agripino, que tem demonstrado competência e lucidez, irá buscar os melhores caminhos e as estradas para percorrer. Entregamos a ele, coletivamente, a responsabilidade de buscar o melhor caminho na proporcional", afirmou.